capes-72012-RGB

2 de agosto de 2018

Corte de verbas – Carta de Apoio da Coordenação de Área de Direito à CAPES

Diante da notícia assombrosa que assolou o Brasil e a comunidade científica nacional, a Coordenação de Área de Direito junto a Fundação Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) elaborou uma Carta de Apoio ao Conselho Superior daquela autarquia. A fixação de cortes no orçamento da CAPES não pode ser implementada! O orçamento de 2019 deve ser mantido, ao menos, no mesmo patamar daquele praticado em 2018. O seu decote significará o fim de milhares de bolsas de pesquisa, bem como de projetos nacionais e internacionais de desenvolvimento científico, tecnológico e de inovação. A ABEDi – Associação Brasileira de Ensino do Direito – se junta ao CONPEDI – Conselho Nacional de Pesquisa e Pós-graduação em Direito – e demais entidades científicas para protestar em prol da manutenção do orçamento da CAPES. A Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência – SBPC – e a Academia Brasileira de Ciências – ABC – já têm empreendido uma luta cotidiana junto ao governo federal para tentar preservar ao máximo os patamares mínimos de investimento na produção científica. Nunca é demasiado lembrar que as crises econômicas são momentos históricos que mais demandam investimento em ciência, tecnologia e inovação (CT&I). Esse deve ser o receituário para auxiliar o país. Não aos cortes em CT&I! A ABEDi subscreve a nota!

Confira o Ofício da Presidência da CAPES aqui: OFICIO-CAPES

Confira a nota da Coordenação de Área aqui: CARTA-CAPES